Pit Stop, palestras, distribuições de cartilhas educativas e ações nas mídias sociais movimentaram o mês em que a população é convocada a fazer sua parte para prevenir acidentes e garantir um trânsito mais seguro

Pit stop recebeu cerca de 500 participantes já nas primeiras horas desta terça-feira
Link para download das fotos:
https://bit.ly/3yXFqZq

A Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares – Abraciclo encerra suas ações em prol do Maio Amarelo com a realização do Pit Stop em parceria com a CET-SP (Companhia de Engenharia de Tráfego) e o CPTran (Comando de Policiamento de Trânsito). O evento, que teve início nesta terça-feira, 24 de maio, ocorre até o dia 26 com o objetivo de conscientizar motociclistas e motofretistas sobre a importância da pilotagem defensiva, o respeito às leis de trânsito e a necessidade de ter cuidados com a manutenção das motocicletas para evitar acidentes e garantir a integridade física.

Realizado na Radial Leste, uma das vias mais movimentadas da capital paulista, a ação recebeu cerca de 500 participantes já nas primeiras horas desta terça-feira. A expectativa é atingir cerca de 1.600 motociclistas até quinta-feira. No local, além de assistirem uma palestra sobre pilotagem segura, os participantes receberam materiais educativos e brindes das associadas da Abraciclo.

Neste ano, a campanha Maio Amarelo tem como tema “Juntos Salvamos Vidas!”, com o objetivo de mostrar que, se todos adotarem atitudes mais seguras no trânsito, é possível contribuir para a redução de acidentes.

De acordo com o presidente da Abraciclo, Marcos Fermanian, contribuir com a segurança viária está entre os compromissos da Abraciclo com a sociedade. “Falar de segurança no trânsito faz parte da agenda da Abraciclo durante todo o ano. Neste ano, em especial, tivemos um importante passo dentro da Associação com a assinatura do termo de parceria com a Secretaria Nacional de Trânsito (SENATRAN), em apoio ao Plano Nacional de Redução de Mortes e Lesões no Trânsito (PNATRANS), do Governo Federal, que prevê ações voltadas à redução em 50% do número de mortes e lesões no trânsito dentro de um período de 10 anos”, comenta o executivo que complementa. “Além disso, há ainda o trabalho com as campanhas de segurança no trânsito e da comissão de segurança que atua nas regulamentações técnicas voltadas ao setor de Duas Rodas”, explica Fermanian.

Maio Amarelo: ações especiais

Durante todo o mês de maio, a Abraciclo realizou diversas parcerias com órgãos governamentais, entidades, associações e empresas para chamar a atenção da população de que o respeito e a responsabilidade no trânsito podem salvar vidas.

“Todos os anos a Abraciclo se empenha para fazer do Maio Amarelo um mês especial para a conscientização dos motociclistas sobre segurança. É uma oportunidade também para darmos ainda mais visibilidade aos esforços realizados durante todo o ano para promover a paz no trânsito”, diz Paulo Takeuchi, diretor executivo da Abraciclo. “Além da ação do Pit Stop, que encerra com chave de ouro esse período, desenvolvemos várias outras frentes de trabalho para falar sobre a importância da segurança viária. Dessa forma, conseguimos ampliar a mensagem do Maio Amarelo para diversos públicos”, analisa.

Entre as ações realizadas, está a participação na etapa Centro-oeste do Encontro Regional de Educadores do Sistema Nacional de Trânsito EDUCATRAN, realizado nos dias 19 e 20, em Campo Grande (MS). Organizado pela SENATRAN (Secretaria Nacional de Trânsito), o encontro reuniu profissionais e especialistas para discutir e identificar os principais desafios para garantir um trânsito mais seguro.

No evento, que contou com a participação do gerente de Relações Institucionais da Abraciclo, Sergio de Oliveira, e do consultor de segurança viária da entidade, Wilson Yasuda, a Abraciclo desenvolveu uma oficina interativa sobre os cuidados necessários para se trafegar com motocicletas e bicicletas, o que incluiu o desenvolvimento de apresentações teóricas e exercícios práticos com educadores.

Outra parceria de sucesso da Abraciclo neste Maio Amarelo ocorreu com o Centro Cultural Movimento (CCM), museu inteiramente dedicado ao segmento de Duas Rodas, localizado na cidade de Socorro (SP). O local ganhou faixas alusivas à campanha e iluminação de sua fachada em amarelo. O Cristo Redentor, um dos principais pontos turísticos do município, também foi iluminado nessa cor. Com isso, durante todo o mês de maio, o município “respirou” segurança graças às diversas iniciativas e alusões ao Maio Amarelo. “Firmamos parcerias com o poder público e com as Associações Comercial e de Turismo para colocar faixas e outdoors nos principais pontos da cidade e realizar blitze educativas”, diz o curador do museu e jornalista Carlãozinho Coachman. Além disso, durante todo o mês de maio, o espaço intensificou a distribuição de materiais educativos e de conscientização para motociclistas e ciclistas, como o Folder Dicas de Segurança no Trânsito Abraciclo, o Guia do Ciclista Seguro Abraciclo e o selo Paz no Trânsito.

Para atingir um público ainda maior nas ações de conscientização, a Abraciclo também promoveu uma série de postagens nas suas redes sociais da campanha do Maio Amarelo 2022. Desenvolvida pelo ONSV (Observatório Nacional de Segurança Viária), em conjunto com a SENATRAN, neste ano a campanha tem como objetivo mostrar que todos podem salvar vidas a partir de atitudes responsáveis no trânsito. Além da divulgação do filme principal, a Abraciclo também divulgou conteúdos específicos para motociclistas, ciclistas e motofretistas em suas plataformas digitais.

Sobre a ABRACICLO e o Setor de Duas Rodas

Com 45 anos de história e contando com 14 associadas, a Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares – ABRACICLO representa os fabricantes de veículos de duas rodas no país, tendo como principal missão o desenvolvimento e fomento do setor por meio de ações baseadas em três pilares: Política Industrial, Segurança Viária e Técnico.

A fabricação nacional de motocicletas, quase totalmente concentrada no Polo Industrial de Manaus (PIM), está entre as sete maiores do mundo. No segmento de bicicletas, com as principais fábricas também instaladas no PIM, o Brasil se encontra na quarta posição entre os principais produtores mundiais. No total, as fabricantes do Setor de Duas Rodas geram cerca de 14 mil empregos diretos em Manaus/AM.

 

MOTOCICLETAS* BICICLETAS*
Frota nacional: acima de 30 milhões
de unidades
Frota nacional: mais de 70 milhões
de unidades
Produção anual: 1,2 milhão de unidades Produção anual: 2,5 milhões

unidades **

6º maior produtor mundial 4º maior produtor mundial

 (*) Dados até fevereiro de 2022.
(**) Estimativa de produção em todo o território nacional, excluídas as bicicletas infantis.

 Para mais informações acesse o site

www.abraciclo.com.br

Siga a Abraciclo no LinkedIn
www.linkedin.com/company/abraciclo/ 

SD&PRESS Consultoria
(11) 3876-4070; www.sdpress.com.br; @sdpress; facebook.com/sdpress
Analuiza Tamura           analuiza.tamura@sdpress.com.br
Bruna Quintanilha bruna.quintanilha@sdpress.com.br
Priscila Fabi       priscila.fabi@sdpress.com.br
  Maio, 2022

 

PortuguêsEnglishEspañol